Barroco

Aprenda sobre Barroco

31/10/2020- 01:16:24
🚀 Postado por: Felipe Antunes

Movimento artístico-cultural entre o final do séc. 16 e a metade do séc. 18. Teve êxito na música, nas artes plásticas e na literatura.

Também integra a Era clássica (Classicismo, Barroco e Arcadismo), mas representa um desvio da orientação clássica, já que procura fundir a experiência renascentista ao reavivamento da fé cristã medieval. É a expressão da crise espiritual vivida pelo homem do séc. 17.

Era uma arte popular, contudo da aristocracia (nobreza e alto clero) provinha os artistas ou os mecenas que financiavam os artistas.  Luxuosidade e pompa, cultismo e conceptismo.

- Cultismo - tendência de efeito sensorial na linguagem: cor, forma, cheiro, sonoridade, isto é, recursos que sugeriam a superação dos limites da realidade.

- Conceptismo - tendência que explora o extrato de significação das palavras, tais como, ambigüidade, jogo de palavras e de raciocínios, agudezas e sutilezas de pensamentos, alegorias, etc.

Cultismo - melhor na poesia, e conceptismo na prosa. Ou as duas no mesmo estilo.

Contraditória como a mentalidade do séc. 17, pois é fruto de duas concepções distintas da vida e do mundo: a medieval e a renascentista.

política - centralização total (Absolutismo) do poder para os reis, que se considerava o representante de Deus na Terra.

econômico - Revolução Comercial, cuja política econômica era o mercantilismo, que se baseava no metalismo, na balança de comércio favorável e no acúmulo de capitais.

sociedade - 3 camadas sociais: clero, nobreza e o 3º Estado - este formado pela burguesia, artesãos e camponeses.

espiritual - O séc. 17 é marcado pelo reflexo das crises religiosas do séc. anterior: a Reforma (1517) e a Contra-Reforma (1563).

A Reforma representa a cisão da Igreja Cristã, que dá origem ao Protestantismo e a uma verdadeira revolução religiosa na Europa. A Contra-Reforma, é uma reação da Igreja Católica, que visa combater a expansão do Protestantismo e recuperar as áreas de domínio protestante.

Características: gosto pelas contradições e idéias opostas.

Politicamente o homem da Idade Média sentia-se reprimido, mas economicamente sentia-se livre para enriquecer, apesar da possibilidade da ascensão econômica, ele não poderia ter ascensão social. Espiritualmente, ao mesmo tempo que a Revol. Comercial e o mercantilismo proporciona riquezas, a Contra-Reforma estimula a vida espiritual simples.

Temas: que refletem estados de tensão da alma: vida e morte, matéria e espírito, amor platônico e

As sugestões sensoriais traduzem a inclinação fantasiosa e contraditória do homem barroco.

RENASCIMENTO

BARROCO

1) Linear, sentida pela mão.

1) Pictórica, seguida pela vista.

2) Composta em plano, de jeito a ser sentida.

2) Composta em profundidade, de jeito a ser seguida.

3) Partes coordenadas de igual valor.

3) Partes subordinadas a um conjunto.

4) Fechada, deixando fora o observador

4) Aberta, colocando dentro o observador.

5) Claridade absoluta.

5) Claridade relativa

Ê BARROCO NO BRASIL

 Tradicionalmente seu marco inicial é a publicação do épico Prosopopéia (1601), de Bento Teixeira, um poema feito à cópia de Os Lusíadas, sem qualquer valor literário hoje.

A literatura Brasileira estava muito ligada à Portuguesa, por isso não atribui-se ao Brasil um Barroco, apenas “ecos do Barroco’, devido sua condição de colônia,  a não existência de um público leitor ativo e influente, grupos de escritores atuantes, vida cultural rica e abundante, sentimento de nacionalidade, imprensa, gráficas e liberdade de expressão.

Somente na segunda metade do séc. 18, com a fundação de cidades e centros comerciais ligados à extração de ouro, em MG e o surgimento de escritores comprometidos com as causas políticas de independência (Inconfidência Mineira) é que se criaram condições necessárias para a formação de uma literatura brasileira, porém só no séc. 19 com a independência política de 1822 e a dinamização da vida cultural é que tal fenômeno se verificará.

Escritores barrocos que se destacaram no Brasil foram:

Poesia ê Gregório de Matos, Bento Teixeira, Botelho de Oliveira e Frei Itaparica.

Prosa  ê Pe. Antônio Vieira, Sebastião da Rocha Pita e Nuno Marques Pereira.

Gregório de Matos - poeta baiano, foi o principal, além de desenvolver a lírica amorosa e religiosa dos modelos europeus, criou uma poesia voltada para a crítica à sociedade, fundando a tradição satírica na poesia brasileira.  Foi conhecido como “O Boca do Inferno”, chegou a ser no séc. 18 um dos precursores da poesia moderna do séc. 20.

Na poesia lírica, religiosa, a amorosa e a filosófica. Na amorosa, percebe-se o dualismo amor carnal/espiritual, personificado pela mulher, misto de anjo idealizado e de demônio sedutor.

- O barroco manteve profundas ligações com o movimento de restauração da Igreja - a Contra-Reforma.

Pe. Antônio Vieira - Português de origem, no Brasil estudou com os jesuítas, foi preso pela Inquisição, acusado de ligações heréticas com o sebastianismo ( mito português nascido em torno do desaparecimento do rei D. Sebastião, na guerra de Alcácer-Quibir) e de defender os cristãos novos.

Cristão novos - judeus convertidos ao cristianismo por medo das perseguições.

VEJA MAIS

14/04/2021
Nafta
Nafta Acordo de Livre-Comércio da América do Norte (North America Free Trade Agreement);
12/04/2021
Conjuntos numéricos
Conjuntos numéricosOs conjuntos numéricos foram criados para agrupar números que possuem características semelhantes  

NOTÍCIAS

Barroco

Resumo sobre o Barroco

09/04/2021- 12:56:04
🚀 Postado por: Felipe Antunes
O Barroco foi um estilo artístico nascido na Itália no século XVI que se espalhou pelos países da Europa e pela América Latina. Caracterizado pela dualidade entre o antropocentrismo e teocentrismo, o Barroco permaneceu vivo no mundo das artes até as primeiras décadas do século XVIII.
Entre a arte barroca de cunho religioso, estão as construções de catedrais, igrejas e capelas. Além do destaque na arquitetura barroca, as artes plásticas também se dedicaram aos temas religiosos, como a produção de esculturas de santos e pinturas de episódios bíblicos.
Em resposta à Reforma Protestante, a Igreja Católica deu início a um movimento chamado Contrarreforma. Seu objetivo era combater a expansão protestante e retomar o poder por ela exercido anteriormente.
 A Contrarreforma instalou o Concílio de Trento e buscou reprimir toda manifestação que contrariasse as ordens da Igreja. O tribunal da Inquisição foi instalado em Portugal para julgar casos de heresia, o que ameaçava cada vez mais a liberdade de expressão.
 Assim, a Igreja Católica retomou sua autoridade e a divisão do cristianismo foi estabelecida. Nessa época, o Conselho de Trento autorizou a criação da Companhia de Jesus, que teve um papel importante na divulgação das ideias católicas.
 
 Nesse contexto surgiu o Barroco, que acabou se tornando um estilo que representava bem a tensão da oposição de ideias entre a razão e a fé vivida na época. O movimento se apresentou como uma arte religiosa que tinha a missão de difundir a fé católica. Os vestígios do catolicismo refletiam claramente nas produções do período, na arquitetura, nas artes plásticas e na literatura.
Várias igrejas e capelas foram construídas, estátuas de santos foram esculpidas, monumentos foram erguidos, passagens bíblicas foram pintadas. A arte barroca refletia também a contradição do período histórico. O clima turbulento de repressão e severidade, os contrastes, as oposições e dilemas que fizeram com que o homem ficasse dividido entre antropocentrismo e teocentrismo, se fizeram presente na arte.

 Desse modo, os autores barrocos utilizavam do jogo de palavras e de ideias para expressar o sentimento da época. Os dilemas foram expostos na arte através de antíteses, paradoxos e interrogações.

Barroco no Brasil

 O barroco no Brasil foi muito forte no estado de Minas Gerais, principalmente sobre a influência do artista Aleijadinho. Ele se tornou um dos nomes mais conhecidos dentro do movimento, tanto no Brasil quanto em outros países.

 O movimento chegou no Brasil pelos colonizadores, e tinha como intenção a difusão da arte sacra e da catequização dos índios. O barroco mineiro teve outro importante nome, que foi Mestre Ataíde, um dos grandes nomes da pintura barroca no Brasil.
 
Características do Barroco
As principais características da arte barroca são o dualismo, a riqueza de detalhes e o exagero. Seu caráter realista e detalhista tem a capacidade de mexer com o emocional do espectador.
Os aspectos realistas desse estilo podem ser observados na pintura, onde nota-se um contraste de claro e escuro, intensificando a noção de profundidade. Além disso, o jogo de luz conduz o olhar do espectador à cena principal.
 Os textos literários possuíam elementos rebuscados e, geralmente, extravagantes, com o jogo de ideias e de palavras. Outra característica da literatura barroca é a exploração de figuras de linguagens que expressam dualidade, como antíteses, paradoxos e inversões.
Na música, percebeu-se a preferência do texto e dos afetos sobre a sonoridade. Embora o estilo polifônico e o contraponto da música sacra tenham permanecido, a melodia procurou fontes mais populares.

 Com movimento e exuberância formal, as esculturas davam a impressão que tinham vida própria. Elas causavam um grande impacto nos espectadores, sobretudo, pela dramaticidade e teatralidade das expressões.

 Com elementos em formas contorcidas e espirais, a arquitetura barroca conferia um efeito de dinamismo. O uso desses elementos nas construções dava a impressão de movimento ascensional.

As principais características da arte barroca foram:


•    Cultismo e conceptismo;
•    Dualismo e contradições;
•    Exagero e rebuscamento;
•    Complexidade e Obscuridade.
•    Morbidez;
•    Valorização do detalhe.
 

Principais artistas barrocos

O Barroco dominou a cena artística durante todo o século XVII e seguiu até as primeiras décadas do século XVIII. O estilo predominou na Europa e na América Latina, porém apareceu em períodos diferentes em cada país.

A arte barroca se destacou nas áreas da pintura, arquitetura, escultura, música e literatura. Os principais artistas desse estilo foram:

• Pintura : 

Caravaggio (Itália),
Giovanni Baglione (Itália),
Mattia Preti (Itália),
Diego Velásquez (Espanha),
Rubens (Alemanha),
Frans Hals (Holanda),
Jan Vermeer (Holanda),
Antoon van Dyck (Bélgica),
Manuel de Jesus Pinto (Brasil),
José Teófilo de Jesus (Brasil),
Mestre Ataíde (Brasil),
Eusébio de Matos e Guerra (Brasil),
José Joaquim da Rocha (Brasil),
Jesuíno do Monte Carmelo (Brasil).

• Arquitetura :

Francesco Borromini (Itália),
Pietro de Cortona (Itália).

• Escultura: 

Bernini (Itália),
Aleijadinho (Brasil),
Agostinho de Jesus (Brasil),
Francisco das Chagas (Brasil).

• Literatura:

Padre Antônio Vieira (Portugal),
Bento Teixeira (Brasil),
Gregório de Matos (Brasil).

• Música: 

Vivaldi (Itália).

VEJA MAIS

14/04/2021
Nafta
Nafta Acordo de Livre-Comércio da América do Norte (North America Free Trade Agreement);
12/04/2021
Conjuntos numéricos
Conjuntos numéricosOs conjuntos numéricos foram criados para agrupar números que possuem características semelhantes  

NOTÍCIAS